Um gato de rua chamado Bob – James Bowen

Sou apaixonada por animais, de qualquer tipo. Então ler um livro sobre como um gatinho salvou a vida de um homem foi extremamente tocante.

"(...) Ouvindo seu ronronar suave no escuro, senti-me bem por tê-lo ali. Era uma companhia, eu acho. Não tinha muito disse ultimamente. (...)"

“(…) Ouvindo seu ronronar suave no escuro, senti-me bem por tê-lo ali. Era uma companhia, eu acho. Não tinha muito disse ultimamente. (…)”

Essa é a história real de James. Sem teto, lutando contra uma dependência química, tocando nas ruas para sobreviver, o gato vem até ele pedindo por ajuda. Bob, que até então era um gato de rua sem nome, tinha a saúde bastante debilitada. Ao cuidar do bichinho, alimentá-lo, e o mais importante: lhe dar amor e carinho, James acabou adotando o gato, que aos poucos foi se tornando seu melhor amigo, e o ajudou a voltar sua vida para os eixos novamente.

Gostei de cara do primeiro parágrafo do livro, e isso já me diz muito sobre como será a leitura. Comecei a ler na faculdade, enquanto esperava o professor chegar, e tive que me segurar muito para não pegar o livro novamente após a aula ter começado. A narrativa de James me fez sentir como se estivesse conversando com ele… Ele com seu violão e Bob sentado em algum lugar perto de nós com seu cachecol tricotado.

Outro aspecto que gostei muito foi que, apesar da história triste, em nenhum momento James se faz de vítima. Muito pelo contrário: ele reconhece suas falhas, e sabe que só está onde está por suas escolhas. Ainda assim, ver como o animal é o responsável por tirá-lo dessa situação é incrível. Como ele mesmo diz, Bob foi uma dádiva de Deus em sua vida, e tenho que concordar. Acredito que os animais são anjos, sim – e não há quem me faça pensar o contrário.

Fonte: absortum

Fonte: absortum

O que mais dizer desse laranjinha fofo? Bob toca o coração das pessoas – não só nas ruas de Londres, tenho de dizer. Mesmo sem conhecê-lo, me apaixonei por ele. Espero um dia ter a oportunidade de lhe fazer um carinho atrás das orelhas (ou então virar a Felícia – vou te abraçar, te beijar e te amar! – e depois ter uma crise alérgica bem feia).

 

Um gato de rua chamado Bob é mais que um livro sobre um gatinho. É uma bela história de superação. E por que não dizer de lição de vida?

Anúncios

Deixe aqui um comentário e faça uma pessoa feliz! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s