As Aventuras de Sherlock Holmes – Arthur Conan Doyle

Tenho que dizer que essa será uma resenha um tanto quanto imparcial. Sherlock Holmes assumiu o posto de personagem preferido de todos os tempos, e não sairá de lá tão cedo.

Essa edição que tenho é publicada pela Editora Zahar, e traz 12 contos publicados pelo autor entre 1891 e 1892. Foi uma leitura bastante rápida, e as características de Conan Doyle como autor são as mesmas que vi em Um Estudo em Vermelho, onde o aclamado detetive é apresentado ao público.

"(...) Nada me dava mais intenso prazer que acompanhar Holmes em suas investigações profissionais e admirar as deduções rápidas, tão instantâneas quanto intuições, e não obstante sempre fundadas numa base lógica, com que destrinchava os problemas que lhe eram submetidos. (...)"

“(…) Nada me dava mais intenso prazer que acompanhar Holmes em suas investigações profissionais e admirar as deduções rápidas, tão instantâneas quanto intuições, e não obstante sempre fundadas numa base lógica, com que destrinchava os problemas que lhe eram submetidos. (…)”

Não consigo definir qual conto é meu favorito nesse livro, muito menos escolher alguns para mencionar aqui. Todos os contos são absurdamente peculiares, curiosos e dignos de nota, mas dessa vez prefiro não entrar em detalhes em nenhum deles, pois creio que qualquer comentário poderá estragar a leitura de alguém que venha a ler essas histórias.

Em quase todos os contos tive a sensação de ser humilhada pela inteligência do personagem (e do autor, claro!). Me peguei várias vezes pensando “Como eu não pensei nisso?”. A solução demonstrada pelo detetive ao final de cada conto chega a ser tão óbvia, que me senti muito idiota por não ter percebido os mesmos detalhes que Sherlock de modo a chegar numa conclusão para o caso. Ainda bem que não estou sozinha nesse mundo, pois os sentimentos de Watson são muito próximos dos meus.

Li os doze contos de uma só vez, e ainda assim preciso ler mais histórias desse personagem! Aí você vem e me pergunta se eu gostei da leitura… Elementar, meu caro Watson!

Aproveitando a deixa, preciso dizer que comecei a assistir a série britânica Sherlock, e estou completamente viciada. Adorei o modo como as histórias do detetive foram adaptadas para a atualidade, sem deixar a essência de lado. Benedict Cumberbatch, o ator que interpreta o famoso detetive, simplesmente está perfeito no papel. Para mim, ele conseguiu incorporar perfeitamente o personagem, ainda que minha versão preferida seja a de Robert Downey Jr. para os cinemas.

Indico não só esse livro, como também todas as outras aventuras do famoso personagem – sejam elas nos livros ou as versões para o cinema ou televisão.

Anúncios

Um comentário sobre “As Aventuras de Sherlock Holmes – Arthur Conan Doyle

  1. Pingback: Leituras e favoritos de Abril/2014 | da Carneiro

Deixe aqui um comentário e faça uma pessoa feliz! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s